Minha linda mãe Maria José

Minha linda mãe Maria José

Como não poderia deixar de ser, no meu primeiro post falarei sobre uma personagem central em minha vida, que orienta-me até hoje nos momentos de dúvidas e que influenciou definitivamente no meu modo de ser, de ver e de sentir o mundo e também de fazer arte. Esta personagem é uma linda mulher, a mais nobre  que já conheci, a mais meiga, criativa e com um espírito guerreiro incomparável: Maria José.
E é a ela que dedico este blog, pois dentre todos os apoios que tive para iniciar esta jornada, esse foi o maior de todos, sem restrições. Esta senhora é a minha mãe! Durante anos trabalhou arduamente como costureira para, juntamente com meu pai, oferecer um futuro melhor para mim e para os meus doze irmãos. E educaram-nos da melhor forma possível, investindo tudo o que tinham em nossos estudos, pois acreditavam que a melhor herança que poderiam nos deixar seria um diploma (e conseguiram!). Durante a nossa infância, eu e os meus irmãos não tínhamos os melhores brinquedos, mas tínhamos uma mãe amorosa que  disponibilizou muito do seu precioso tempo para nos ensinar o que havia aprendido ao longo da sua vida. E eu, curiosa que sou, aprendi a costurar, fazer bordados, desenhar, esculpir, pintar e apaixonei-me perdidamente pela arte de criar! Acredito que o fato de não ter tudo ao alcance, contribuiu para que nos tornássemos pessoas criativas, pois tínhamos que inventar nossos próprios brinquedos. E garanto-vos que a satisfação era enorme!
Obrigada mãe! Eu quero que todos saibam que o amor que sinto por ti é maior que todo o Universo! Sou imensamente grata por ter aprendido a ver o mundo através dos teus bondosos olhos. Você nos fez entender que o mais importante nesta vida é ter sempre um sorriso de esperança,  acreditar que os momentos tristes não duram sempre e nunca desistir dos nossos sonhos!
Nota: Eu sei que uma boa parte das pessoas que vão ler esse texto tiveram a mesma sorte que eu. Ter uma pessoa maravilhosa a cuidar de nós fisicamente e espiritualmente é um privilégio. Portanto, sempre que houver oportunidade, demonstrem gratidão não somente por meio de palavras mas também através de atitudes.
Um beijinho para todos e especialmente para as mães amorosas do mundo todo !

Marina Mourão

tagged in Minha vida