A Dama do Rio Doce, foi uma ilustração que criei enquanto encontrava-me de férias no Brasil em Dezembro último.

Muito se falou nas redes sociais num dos maiores desastres ambientais que aconteceu recentemente no Brasil, na minha querida Minas Gerais, o rompimento de uma barragem de resíduos tóxicos que contaminou toda a bacia hidrográfica do Rio Doce, um mar de lama que arrastou tudo pela frente: casas, animais, vegetação, matou pessoas, sonhos… 🙁 🙁 🙁 Deixou um rastro de destruição tão grande que, segundo os especialistas, levará anos até que parte das áreas afectadas se recuperem, tanto a nível ambiental, económico e mesmo psicológico.

Não tive coragem de ir lá conferir, nem tinha ideia da dimensão da catástofe, apenas ouvi relatos e mais relatos de uma ou outra pessoa que contactaram diretamente com pessoas que vivenciaram esse terrível momento apocalíptico. Dizem que a lama tóxica já invadiu o mar e atualmente está contaminando também a costa do nordeste brasileiro 🙁

Utilizei para fazer esse meu trabalho artístico: papel para aquarela, café, massa relevo, lápis 6B, colagens de papel e lápis de cor. Mas, tive uma ajudazinha, uma sobrinha de 9 anos fez-me companhia enquanto eu desenhava e pedia-me para descrever a infeliz história, ela compreendeu tudo e ficou muito triste! sugeriu-me que colasse peixinhos cor de rosa no vestido da Dama, mas tinha que ser peixinhos mortos, com olhinhos em forma de cruz…Fiquei espantada com a sensibilidade da criança e acatei com carinho tão “realista” sugestão! A própria recortou-os e foi colando um a um…

Perguntei à minha sobrinha…Porque escolheste o papel rosa para a cor dos peixes?
Respondeu ela: Porque a cor rosa é uma cor doce e bonita, cor da esperança.
Então eu disse: mas a Esperança é verde! da cor do vaso que eu coloquei ao lado da Dama.
Ela respondeu: Para mim a cor que nunca morre é ROSA e pronto!

Faz sentido! rosa significa felicidade, prosperidade, alegria e esperança de realizar nossos sonhos…. “sonhos cor-de-rosa”.

Detalhe da minha ilustração, A Dama do Rio Doce

Detalhe da minha ilustração, A Dama do Rio Doce

Detalhe da minha ilustração, A Dama do Rio Doce

Detalhe da minha ilustração, A Dama do Rio Doce